Eu, Dom António d'Almeida (eh eh eh!) criei este blog para fomentar a troca de ideias sobre a sociedade actual...e tambem para dar umas boas gargalhadas.
.links
.arquivos

. Outubro 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.VISITAS
Hit Counter
Free Counter
.Que horas são?
.posts recentes

. Mudanças...

. Waterloo 2010.

. A GAYZOADA

. AMANHÂ VENHAM APOIAR OS M...

. Esqueçam lá o "Estrelas"....

. VERGONHA!!!

. 1975

. " Ó tempo volta para trás...

. ORLANDO ZAPATA TAMAYO

. Fernando Nobre

blogs SAPO
Quinta-feira, 9 de Outubro de 2008
.........POIS É!

Estado das Coisas

O blogueiro anónimo

“Esta gente rasteira que escreve sem se identificar só tem arte para discutir pessoas e não ideias e princípios”

 

Neste mundo global, ninguém questiona as virtualidades e as vantagens dos blogues, enquanto ferramenta multifuncional que promove uma nova forma de comunicação, uma forma de expressão completamente livre. De facto, quando o blogue é usado correctamente constitui um importante instrumento de debate público, de debate pertinente e sério, prestando um bom serviço ao exercício da Democracia.

Mas o blogue que permite que a grande maioria dos bloguistas se refugie no anonimato não é sério, nem presta um relevante serviço à sociedade. Bem sei que o anonimato foi uma conquista para fugir à opinião massiva, para poder discordar sem ser identificado, evitando ser colocado à margem do grupo. Mas também sei que esta característica específica dos blogues, assente no anonimato, tem servido para proteger gente cobarde e mesquinha, que se refugia nesta forma de comunicar para vinganças pessoais, para ofender a honra e o bom-nome das pessoas que dão a cara e que não têm medo de pôr a assinatura em tudo o que fazem. Esta gente rasteira que se esconde por detrás do biombo do anonimato só tem arte e engenho pa-ra discutir pessoas e não ideias e princípios. A espiral de silêncio de que nos fala a socióloga Noelle Neumann é a fronteira que distingue a qualidade e a honestidade intelectual entre os blogues.

O blogueiro anónimo é, infelizmente, também juiz. Também este, que é o rosto visível da Justiça, de uma Justiça que se quer de cara destapada e transparente, se refugia nesta forma desprezível de comunicar, torpedeando o que lê, caluniando, sem qualquer respeito e tolerância. Talvez o Conselho Superior da Magistratura devesse estar atento a alguns blogues que acompanham as questões da Justiça e que em nada dignificam o Poder Judicial.

As ofensas anónimas estão nos antípodas da crítica construtiva, proporcional e adequada. É bom que o juiz anónimo saiba que o blogue não foge às regras do ordenamento jurídico português nem aos limites do exercício de liberdade, de manifestação e de pensamento. E é bom também que saiba que o titular do blogue é responsável, civil e criminalmente, pelos comentários injuriosos. Para cada direito criado há limites.

Quem se esconde na caverna do silêncio e da penumbra, para ter o momento de glória quando escreve sem se identificar, demonstra fraca personalidade e não tem o mínimo de respeito e de amor pelos direitos de personalidade.

Rui Rangel, Juiz Desembargador.
 
Artigo tirado do correio da manhã de dia 8 - 10 - 2008.
 
 
 
  
   Sem saber, o Dr. Rui Rangel escreveu um artigo que até poderia, na sua maior parte, descrever certos blogues da nossa "Praça".
 
       Para quem defende e deixa estes  ANÓNIMOS darem largas aos seus devaneios intelectuais este artigo deveria ser elucidativo mas no fundo até se compreende o porquê de tal defesa, é que sem sem estes tais ANÓNIMOS simplesmente esses tais blogues não teriam qualquer significado ( não é que o tenham mesmo apoiando estas aberrações ).
 
       Tendo em conta este artigo e acreditando que é o que todas as pessoas de bom senso pensam sobre ANÓNIMOS, esses tais blogues não passam no fim de contas de autênticas anedotas, espaços de vinganças pessoais e muitas vezes locais de escárnio e mal dizer!
 
 
 
 
 
 
publicado por toalbanosoares às 19:01
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De ACDEA a 16 de Outubro de 2008 às 09:23
VISITEM:

www.acdestrelaalmeida.blogspot.com/
De Manuel Norberto Baptista Forte a 22 de Fevereiro de 2009 às 12:05
“Esta gente rasteira que escreve sem se identificar só tem arte para discutir pessoas e não ideias e princípios”; se é uma citação do Dr. Rui Rangel, estou inteiramente de acordo, pois penso que em Democracia um comentário responsável e cimentado, não percebo qual é o MEDO (será !?) de identificação do autor.


Comentar post

.mais sobre mim
.Outubro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.links