Eu, Dom António d'Almeida (eh eh eh!) criei este blog para fomentar a troca de ideias sobre a sociedade actual...e tambem para dar umas boas gargalhadas.
.links
.arquivos

. Outubro 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.VISITAS
Hit Counter
Free Counter
.Que horas são?
.posts recentes

. Mudanças...

. Waterloo 2010.

. A GAYZOADA

. AMANHÂ VENHAM APOIAR OS M...

. Esqueçam lá o "Estrelas"....

. VERGONHA!!!

. 1975

. " Ó tempo volta para trás...

. ORLANDO ZAPATA TAMAYO

. Fernando Nobre

blogs SAPO
Quarta-feira, 21 de Novembro de 2007
ANEDOTAS SOBRE CUBA
*SOBRE CUBA... *
*Não sei de quem é a autoria, mas as piadas são boas!*

************************************ *

Uma professora cubana mostra aos alunos um retrato do presidente
Bush, e pergunta à turma:
- De quem é esse retrato? Silêncio absoluto.
- Eu vou ajudar vocês um pouquinho. É por culpa desse senhor que
nós estamos passando fome.
- Ah, professora! É que sem a barba e o uniforme não dava para
reconhecer!

*************************************

Fidel está fazendo um de seus famosos discursos:
- E a partir de agora, teremos de fazer mais sacrifícios!
- Trabalharemos o dobro! - diz alguém na multidão.
- E teremos de entender que haverá menos alimentos!
- Trabalharemos o triplo! - diz a mesma voz.
- E as dificuldades vão aumentar! -  continua Fidel.
- Trabalharemos o quádruplo!
Aí o Fidel pergunta ao chefe de segurança:
- Quem é esse sujeito que vai trabalhar tanto?
*- O coveiro, mi comandante.
*
*************************************
O povo cubano estava todo reunido em uma apresentação pública com o ditador, e o seu assessor olhava para Fidel, virava para o povo e dizia:
- Mira, pueblo de Cuba! Acá está Fidel! Fidel no tiene la barba de
Cristo?
E o povo:
- La tiene!
- Fidel no tiene los pelos de Cristo?
- Los tiene!
- Fidel no tiene los ojos de Cristo?
- Los tiene!
Um bêbado então berra do meio da turba:
*- ENTONCES, POR QUE NO CRUCIFICALO?*

************************************ *
Fidel sofre um enfarte e a família o leva ao hospital.
O médico diz:
- Não há esperança!
O irmão pergunta:
- Ele vai morrer?
- Não. Vai continuar vivo.

*************************************
- Sabia que Adão e Eva eram cubanos?
- O que faz você pensar isso?
- Não tinham roupas, andavam descalços, não podiam comer maçã e
ouviam dizer que estavam num paraíso.

*************************************
Fidel vai a um centro espírita e, na sessão, consegue conversar
com o espírito da mãe:
- Mãe, no próximo ano eu ainda vou estar no poder?
- Sim, meu filho, vai.
- E o povo vai estar comigo?
- Não. Vai estar comigo.

*************************************
O governo revolucionário vai tomar todas as providências para que
"nenhum" cubano vá para a cama sem comer... *vai recolher todas as camas.
*
************************************ *
Um surdo-mudo chega a um bar, passa a mão sobre uma suposta barba, e passa o dedo pelo pescoço, como se estivesse sendo degolado.
*O garçon serve-lhe uma cuba-libre.

*************************************
Qual o país mais próximo do inferno?
- Cuba.
- Não, o Haiti. Cuba é o inferno.

************************************ *
O pai cubano pergunta para o seu filho pequeno:
- O que você quer ser quando crescer?
*- Estrangeiro, papai!**
publicado por toalbanosoares às 15:41
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 14 de Novembro de 2007
LIRICOS.......

 

                                                      

 

 

"...o deputado do PS João Soares considerou ontem que o rei de Espanha, Juan Carlos, se excedeu quando mandou calar o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, depois de este chamar “fascista” ao chefe de Governo espanhol na Cimeira Ibero-Americana e que este talvez tenha razões de queixa de José Maria Aznar..."

 

 

 

     Só acho engraçado este pseudo politico ainda ter crédito nos média Portugueses.

    Quem acha que é este senhor ao lado de Aznar?

    Realmente o que vale é que dos fracos não reza a história e o pouco que se pode rezar é   saber como é que este senhor, enquanto edil de Lisboa, ofereceu ao pai ( fundação Mário Soares ) 500 mil contos dos cofres da autarquia da capital.

     Mais um lirico a animar as hostes filosofais............

publicado por toalbanosoares às 00:07
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 13 de Novembro de 2007
CÓPIA A PRETO E BRANCO!

 

 

 

                                                     

      (...)O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, há mais de seis anos no poder, ameaça a estabilidade da América Latina com o financiamento e o apoio a grupos radicais de países vizinhos, a formação de uma milícia civil, o uso do petróleo para chantagear as repúblicas da América Central, a compra de armas e a aliança com a ditadura cubana de Fidel Castro, de quem está se tornando um clone malfeito e extemporâneo. Na Venezuela, Chávez adotou um governo centralizador, mudou as leis para controlar melhor a oposição e aumentou o tamanho do Estado, levando à derrocada de uma das mais antigas democracias da região. Resultado: a população ficou mais pobre, os investidores externos sumiram e a dívida pública aumentou.


O que aconteceu depois

     Chávez intensificou ações e bravatas, buscando assumir o papel de principal antípoda dos Estados Unidos. Assim, calculou, poderia angariar simpatia dos países pobres e em desenvolvimento. Nesse sentido, ele anunciou, por exemplo, a intenção de desenvolver um programa nuclear com apoio técnico do Irã — nação que mantém a comunidade internacional em alerta devido às evidências de que os aiatolás iranianos desejam armar um arsenal nuclear. A proposta foi uma clara provocação aos americanos, uma vez que não tinha qualquer respaldo do ponto de vista técnico. A Venezuela gera mais energia hidrelétrica do que precisa — uma parte é vendida ao Brasil — e dispõe da segunda maior reserva de gás natural do continente americano e da sexta maior de petróleo do mundo. A indústria petrolífera venezuelana nem sequer aproveita integralmente as cotas de exportação a que tem direito, por pura falta de investimento. A produção nacional caiu devido à decisão de Chávez de cancelar o plano da estatal PDVSA de investir 65 bilhões de dólares em seis anos para dobrar sua produção diária.

O coronel-presidente avançou de forma concreta, porém, no campo dos armamentos convencionais. Ele determinou a construção de uma fábrica de fuzis no país e a compra de 24 caças russos Sukhoi 30 — avançados jatos de interceptação e ataque capazes de voar a 2.500 quilômetros por hora e carregar 8 toneladas de mísseis e bombas inteligentes. Capazes de percorrer até 3.000 quilômetros sem a necessidade de reabastecer, os aviões poderiam ser usados para atacar todos os países vizinhos, a região do Caribe e até Miami, na costa sul dos Estados Unidos, o que aumenta o risco de instabilidade no continente. As compras incluíram ainda aviões cargueiros da Espanha, radares da Ucrânia e 36 blindados brasileiros, equipados com canhões que podem disparar até 1.000 tiros por minuto. A estratégia de Chávez é fazer ameaças e fomentar o medo para garantir que poderá continuar a estender seu poder.

      No campo da influência continental, os resultados foram ambíguos. Com dinheiro vindo do petróleo, Chávez patrocinou vitórias nas eleições presidenciais de apadrinhados na Bolívia, com Evo Morales, e Nicarágua, com Daniel Ortega, representante do sandinismo — movimento que conquistou o poder pelas armas nos anos 70 e arruinou o país com uma política econômica inspirada na cubana. Mas Chávez também colheu derrotas. Os limites da diplomacia dos petrodólares foram escancarados pelos resultados eleitorais no Peru e México — em que os favoritos de Chávez foram derrotados.

     Já a democracia doméstica sofreu duros golpes. Completando um ciclo na busca pelo poder absoluto, Chávez conquistou em eleições nacionais 100% das cadeiras na Assembléia Nacional — derradeira instituição em que a oposição ainda dispunha de alguma influência. Às vésperas do pleito, os partidos de oposição decidiram boicotar a votação em protesto contra a parcialidade da Justiça Eleitoral. Apenas um em cada quatro eleitores, por sua vez, compareceu às urnas, visto que o governo iria ganhar de qualquer jeito.

     À já existente censura à imprensa, Chávez adicionou a suspensão futura de concessões de TV – aplicável aos canais que desagradam o coronel-presidente. “Não podemos continuar a permitir que um pequeno grupo de pessoas use um espaço de transmissão que é do Estado”, alegou. O predicado “é do Estado”, na visão autoritária do coronel, deve ser entendido como uso exclusivo do presidente da República e seus coligados. Como as concessões da maioria dos canais vencem em 2007, a decisão equivale a cassar o direito de a oposição aparecer na televisão. O cerco está se fechando. Uma reforma no Código Penal aumentou as multas e sanções para os chamados “delitos de opinião” — basicamente, “difamar” ou “injuriar” membros do governo.

      Com o respaldo das urnas, o coronel-presidente conquistou o terceiro mandato, no final de 2006. Viu-se, então, à vontade para anunciar a intenção de torcer mais uma vez a Constituição, escrita por ele próprio, de forma a se manter no poder por quanto tempo quiser. As circunstâncias anunciaram-lhe ainda outra oportunidade — a de ocupar o papel que há décadas é de Fidel Castro, o octogenário ditador de Cuba que desapareceu do cenário político devido a uma doença no intestino. Sem Fidel, Chávez se apresentou como novo farol da esquerda revolucionária na América Latina. "Ninguém vai me impedir agora de construir o socialismo", disse às vésperas da terceira posse. No mesmo momento, anunciou ainda que iria multiplicar seus poderes: cobrou do Congresso autonomia para governar por decretos, ficando, assim, livre do saudável debate democrático. Se ganhar dos legisladores a força para legislar sem eles, promete estatizar os setores de energia elétrica e telecomunicações venezuelanos...

                                                                                 in VEJA.

        Não querendo ser repetitivo é minha convicção expôr no meu blogue a personagem maligna e ditatorial de Hugo Chavez.

     Facções existem que continuam a querer fazer deste pseudo-democrata um ícone da liberdade e da igualdade na América do Sul tendo a grandiosa ajuda de uma imprensa tendenciosamente de esquerda.

     É assustador observar como certos opinion makers conseguem ludibriar as opiniões dos menos informados com a máxima de que ser contra Bush é ser boa pessoa. É aqui que tudo se torna turvo, com a hipócrisia e o cinismo intelectuais a vir ao de cima, defendendo um homem que constantemente atropela a tal democracia que tanto proclamam e defendem na Europa Ocidental. 

     Uma cópia a preto e branco do original...Fidel Castro, um autêntico cãozinho amestrado, por sinal de circo e com alta tendência para a palhaçada.

     O texto é ilucidativo do que Chavez quer fazer e qual o seu sonho diabólico...uma horrenda ditadura não muito diferente da antiga ditadura comunista soviética... mas para o bem de todos nós destinada ao fracasso!

    

 

 

publicado por toalbanosoares às 23:36
link do post | comentar | favorito
|
LAMENTÁVEL???? SEM DÚVIDA!!!!

00057s6g

 

       Na edição do mês passado do jornal "praça alta" deparámo-nos com esta verdadeira obra prima.

       Alguem, com imenso jeito para a fotografia, resolveu premiar-nos com uma imagem cheia de mensagens e sentimentos. A morte por atropelo de um pobre animal é analisada de uma maneira intelectualmente desonesta.

       O tempo perdido na foto e no posterior comentário poderia ser utilizado com um telefonema a tentar resolver a situação. Estranho tambem é não analisar o comportamento da pessoa que atropelou o animal pois não me parece que tenha tomado alguma medida no sentido de resolver esta situação.

       Certamente que o comentário, POLITICO,  deve ter agradado a uns quantos ressabiados que devem ter deslumbrado no pobre animal uma arma de arremesso politico.

       LAMENTÁVEL, sem duvida, a foto, LAMENTÁVEL ,sem duvida, o comentário e LAMENTÁVEL, sem duvida, a desonestidade intelectual!

 

publicado por toalbanosoares às 00:08
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 12 de Novembro de 2007
GLORIOSO!!

 

 

 

                           0000xz2r

 

 

 

 

 

     Já faltou mais !!!!!!!!!

    S.L.B ! S.L.B !

   Fim de semana de arromba, só faltou o estrela marcar mais um golinho!!!!!!

publicado por toalbanosoares às 15:18
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
PORQUE NÃO TE CALAS ?????

 

 

                                                                  

http://www.dictatorofthemonth.com/Chavez/Jun2005ChavezEN.htm

 

 

     HUGO CHAVEZ FOI MAIS UMA VEZ PROTAGONISTA DE UMA PALHAÇADA DIGNA DE UM CIRCO CARDINAL NUMA MATINÉ DE DOMINGO.

     SEM QUALQUER TIPO DE RESPEITO ESTE HOMEM QUE ALGUNS CHAMAM DE DEMOCRATA OFENDE E ATROPELA QUALQUER PESSOA QUE NÃO SEJA DO MOVIMENTO "VERMELHÃO" ( SAFE-SE O GLORIOSO DESTA COMPARAÇÃO ) . A ESQUERDA EUROPEIA RESPEITA E ADMIRA ESTE  PEQUENO DITADOR, ALIÁS DELIRARAM QUANDO O SENHOR CHAMOU FASCISTA A AZNAR. O ENGRAÇADO,NO QUE TOCA A PORTUGAL, É QUE A ESQUERDA MUITAS VEZES USA A ECONOMIA E A SOCIEDADE ESPANHOLA PARA ARMA DE ARREMESSO AOS NOSSOS GOVERNANTES ESQUECENDO-SE QUE FOI AZNAR UM DOS OBREIROS DO SUCESSO ESPANHOL...O QUE PODEREMOS CHAMAR A ISTO ?....SENDO OS INTELECTUAIS DE ESQUERDA EM PORTUGAL DEFENSORES ACÉRRIMOS DOS MOVIMENTOS ESTUDANTIS E TENDO EM CONTA O QUE SE PASSA NA VENEZUELA EM QUE FICAMOS ?....

      SENDO OS INTELECTUAIS DE ESQUERDA EM PORTUGAL DEFENSORES ACÉRRIMOS DA CONSTITUIÇÃO E DA DEFESA DA DEMOCRACIA COMO DEFENDER UM HOMEM QUE ALTERA A CONSTITUIÇÃO DO SEU PAÍS PARA FICAR MAIS TEMPO NO PODER ?....

      SENDO OS INTELECTUAIS DE ESQUERDA EM PORTUGAL DEFENSORES ACÉRRIMOS DA LIBERDADE DE IMPRENSA COMO DEFENDER UM HOMEM QUE CONTROLA PARA SI PRÓPRIO A IMPRENSA NO SEU PAÍS ?...

      SENDO OS INTELECTUAIS DE ESQUERDA EM PORTUGAL DEFENSORES ACÉRRIMOS DE UMA EDUCAÇÃO JUSTA E ISENTA COMO DEFENDER UM HOMEM QUE NO SISTEMA EDUCACIONAL DO SEU PAÍS OBRIGA A ALTERAÇÃO DE MANUAIS PARA AUTO-PROCLAMAR A SUA PESSOA ?....

     

       ENFIM...NÃO ENTENDO TANTA HIPOCRISIA.......      

    

              

publicado por toalbanosoares às 11:17
link do post | comentar | favorito
|
.mais sobre mim
.Outubro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.links